Endodontia – Dúvidas sobre tratamento de canal?

Tratamento endodôntico

 

O tratamento endodôntico ou tratamento de canal consiste, resumidamente, na manutenção da estrutura dura do dente sem inflamação ou infecção.

O tratamento endodôntico pode ser explicado em cinco tipos:

·         Tratamento expectante

Expectante é talvez o tratamento endodôntico mais tradicional, consiste na retirada da cárie e proteção da polpa do dente. O procedimento é concluído com um selamento provisório.

·         Curetagem pulpar

Curetagem pulpar é a remoção parcial da polpa coronária que venha a ser exposta pelo tratamento expectante

·         Pulpotomia

Pulpotomia é a remoção da polpa dentro da coroa. Nestes casos a polpa presente no canal do dente é mantida e preservada. Devido a isso, a pulpotomia é indicada, geralmente, aos casos que a lesão limita-se a uma pequena parte da polpa coronária.

·         Pulpectomia

Pulpectomia é o conhecido tratamento de canal. Consiste em retirar totalmente a polpa do dente e higienizar as paredes interna do dente, ou seja, os canais do dente.
O campo operatório, o comprimento e anatomia do canal do dente contribuem para tornar esse procedimento complexo.
Por isso dê preferência a dentistas especializados em endodontia, os endodontistas. Ou seja, especialista em tratamento de canal.

·         Tratamento Cirúrgico

Tratamento Cirúrgico, geralmente, é indicado em casos de tratamento endodôntico mal sucedido como nos casos em que há perfuração acidental, lesões refratárias, fratura de instrumentos e etc.

A necessidade de um tratamento de canal, geralmente, vem associado à muita dor. Se você está sentindo dores de dente, agende sua visita para avaliação. A avaliação é o primeiro passo para a solução odontológica que você procura.

Siga-nos

Facebooktwittergoogle_pluslinkedinrssyoutube